Melhores cascatas do Gerês

Receba nossas dicas e novidades

Melhores cascatas do Gerês - Cascatas mais bonitas do Gerês - Cascata do Arado - Cascata do Tahiti - 7 Lagoas - Cascata da Portela do Homem - Turismo

Melhores cascatas do Gerês

Dicas: melhores cascatas do Gerês

Na zona fronteiriça entre Minho, Trás-os-Montes e a Galiza (Espanha), situa-se uma das maiores atrações naturais de Portugal – o Parque Nacional da Peneda-Gerês. Esta região montanhosa é repleta de cantinhos paradisíacos fascinantes. No relato de hoje, elaboramos uma lista das top 5 melhores cascatas do Gerês.

Obviamente que a primavera – verão, são as estações mais indicadas para aproveitar as cascatas, mas vale reforçar que para aqueles que procuram tranquilidade, recomenda-se escapar da época de férias escolares, fins de semana e feriados.

Com mais de setenta mil hectares de território protegido, o Parque Nacional da Peneda-Gerês, foi eleito pelo jornal Britânico The Guardian, como um dos melhores Parques Naturais Alternativos da Europa.

1 – Cascata Tahiti

A belíssima Cascata Fecha de Barjas, conhecida popularmente como Cascata Tahiti, situa-se a 12 km das Caldas do Gerês – na estrada que liga Fafião/Cabril à Ermida. A paisagem é incrívelmente bela.

Oferece aos visitantes várias quedas d’água com piscinas naturais de água translúcida, que convidam a mergulhos refrescantes. O acesso é sinuoso e escorregadio, por isso, recomenda-se cautela e muita atenção na descida. Quem visita o Gerês não pode deixar de conhecer a Cascata Tahiti.

+ Reserve Hotel pelo Booking com até 50% desconto – Cancelamento Gratuito!

2 – Cascata do Arado

Foto divulgação: casasnogeresparaalugar.pt

Em pleno coração do Gerês, a famosa Cascata do Arado brinda os turistas com uma sucessão de lagoas naturais fantásticas. É uma das melhores cascatas do Gerês e o melhor horário para visitá-la, é entre as 10h e 12h30.

É possível chegar por uma estrada de terra batida, que inicia a pouco mais de 2km a norte da aldeia de Ermida. No local, existe um miradouro onde você pode contemplar as quedas d’água que terminam em piscinas naturais cristalinas.

A entrada que leva à base da cascata fica junto a miradouro. Contudo, recomenda-se muita cautela e atenção na descida para os banhos. Obrigatório levar calçado para trekking!

3 – Cascata da Portela do Homem

Com suas águas cristalinas de cor esmeralda, a Cascata da Portela do Homem, é uma das mais fascinantes atrações naturais do Gerês. Para chegar a partir da Vila do Gerês, por exemplo, são 12 km subindo a Serra – no caminho há um posto de controle, onde é cobrado um valor simbólico de 2 euros por carro. O acesso é relativamente fácil, contudo, há necessidade de cuidados especiais na descida para os banhos.

+ Reserve Hotel pelo Booking com até 50% desconto – Cancelamento Gratuito!

4 – 7 Lagoas

Próximo a Cabril, existe um conjunto de sete cascatas denominado de 7 Lagoas. Um vale paradisíaco com um cenário deslumbrante. No entanto, chegar até lá pode não ser tarefa fácil. A partir da pequena localidade de Xertelo, é necessário percorrer 6 km por uma estrada de terra com pedregulhos. O caminho pode ser feito a pé, ou com um carro 4×4.

É possível fazer o trajeto em carro normal? Bem, nós percorremos a distância em carro normal – a maior parte do percurso sempre em 1ª marcha, desviando das pedras e com muita paciência. Se você optar pela caminhada, considere que são 12 km ida / volta (esforço físico pesado). As 7 Lagoas, é um passeio destinado a pessoas que gostam de desafios.

5 – Cascata de Pincães

Na localidade de Pincães, situa-se a cinematográfica Cascata de Pincães. A partir do estacionamento do largo da vila, o percurso é feito por uma trilha de aproximadamente 15 minutos de caminhada (esforço físico médio).

Nos meses de primavera/verão, a incidência de luz solar nesta cascata tem seu melhor horário entre as 11:00 e as 13:00 – momento ideal para banhos e fotografias sem a interferências de sombras. A queda d’água e o poço raso e cristalino da Cascata de Pincães, é um dos cartões-postais mais bonitos do Gerês.  Imperdível!

Nota: reserve no mínimo 2 dias para conhecer e aproveitar com tranquilidade as melhores cascatas do Gerês. Além da sandália de dedo, não esquecer levar calçado para trekking, roupa confortável e repelente.

Estas cascatas não dispõem de bares e restaurantes. Recomenda-se levar lanche, bebidas e saquinho para a recolha do seu lixo. Viajar de carro é indispensável para quem deseja explorar o Gerês. Passeios não recomendáveis a pessoas com problemas de mobilidade.

Dicas extras

Confira os nossos posts sobre os principais pontos de interesse no Gerês e os hotéis bons e baratos no Gerês. Veja também o nosso roteiro de 5 dias pelo Norte de Portugal. Ficamos super felizes em ajudar no planejamento da sua viagem. Esperamos que tenha gostado das nossas dicas e informações. Obrigada pela visita e seja sempre bem-vindo (a) ao blog!

Procurando Hotel? Pesquise as promoções no Booking.comvocê não paga nada por isso, cancela e altera quando quiser e ainda tem a garantia dos melhores preços. Saiba mais: Aqui !

*Gostou do post sobre as melhores cascatas do Gerês? Compartilhe com seus amigos!


Share

Sofia Reimão

Sofia Reimão

Tem paixão por viagens, fotografia, gastronomia, Jazz & Bossa Nova. É empresária, nômade digital, criadora e autora do Blog Partiu Pelo Mundo.

Vai Viajar?
Partiupelomundo.com - Todos os direitos reservados
Acesse o site do Booking.com e encontre o melhor hotel para você.
Pesquise Aqui!
Vai Viajar?
Partiupelomundo.com - Todos os direitos reservados
Pesquise as promoções do Booking.com e encontre o melhor hotel para você.
Pesquise Aqui!
Procurando Hotel?
Partiupelomundo.com - Todos os direitos reservados
Pesquise as promoções no Booking.com – você não paga nada por isso, cancela e altera quando quiser e ainda tem a garantia dos melhores preços.
Pesquise Aqui!