Escreva para pesquisar

DESTINOS INTERNACIONAIS Europa Portugal

Cascatas e Lagoas do Soajo

Compartilhar

Roteiro: dicas para visitar as mais belas cascatas e lagoas do Soajo

Anda à procura das melhores cascatas e lagoas do Soajo? Veio parar no blogue certo! A Serra do Soajo é um destino cheio de boas surpresas! Montanhas, vales, rios e magníficas paisagens verdejantes, onde reina o silêncio e a tranquilidade. Se mora no Norte de Portugal e procura um recanto mágico e próximo para uma escapadinha rural, não procure mais. Acabou de encontrar aquilo que procura! O Soajo é lindo, cativante e cheio de tesouros naturais para descobrir. Grande parte das atrações são integradas no único Parque Nacional português (Peneda-Gerês), considerado pela UNESCO como Reserva Mundial da Biosfera. Veja neste guia turístico as mais belas cascatas e piscinas naturais que valem, definitivamente, uma viagem.

Como chegar à Lagoa dos Druidas, como ir, trilho e percurso pedestre para o Poço dos Druidas, em Tibo

Onde ficam as cascatas e lagoas do Soajo?

As cascatas e lagoas do Soajo ficam escondidas em plena Serra do Soajo (Concelho de Arcos de Valdevez – Alto Minho), inserida no Parque Nacional da Peneda-Gerês (Norte de Portugal).

A Serra do Soajo é um daqueles lugares que fazem você se sentir entrando em outra dimensão. 

Oferece diversas opções de lazer para amigos e casais aventureiros que buscam fugir das viagens óbvias e aproveitar o melhor de um ambiente natural e rústico.

Durante a visita ao Soajo você vai relaxar em agradáveis parques de merendas, hospedar-se em alojamentos de Turismo Rural, conhecer belas atrações históricas e culturais, experimentar os pratos regionais, desfrutar das cascatas e mergulhar nas piscinas naturais de águas puras e cristalinas, além de realizar percursos pedestres para todos os níveis de dificuldade. Experiência única e imperdível!

Dicas: visitar as cascatas e lagoas da Serra do Soajo

Há cascatas fantásticas na Serra do Soajo que tem mesmo de conhecer. Para aventureiros ou para quem quer fugir à confusão das praias, as cascatas e lagoas do Soajo são locais de passagem obrigatória, no concelho de Arcos de Valdevez.

Se gosta de sítios isolados e calmos, atividades ao ar livre e caminhadas pela natureza, certamente vai adorar as lagoas paradisíacas do Soajo.

As cascatas que selecionamos (algumas delas desconhecidas e secretas) são excelentes para uma escapadinha rural de fim de semana ou umas mini-férias de verão.

1 – Poço Negro – Soajo

cascatas e lagoas do Soajo

De grande beleza natural, o Poço Negro encanta a quem o visita. Não à toa, é considerado uma das cascatas mais bonitas do Soajo.

Apresenta uma deliciosa lagoa natural de água cristalina, excelente para banho e mergulhos relaxantes a dois, com amigos ou em família.

Lembrando que pode visitar o local durante todo o ano. Mas a melhor época para aproveitar a cascata é nos meses de verão (Junho, Julho, Agosto, Setembro), altura em que água do rio fica mais convidativa, claro está!

Onde fica? O Poço Negro situa-se num vale profundo do rio Adrão, próximo à estrada (M530) e a menos de 1 km da vila de Soajo (concelho de Arcos de Valdevez).

Como ir: Há placas indicando o caminho para o Poço Negro e o acesso para chegar à base da cascata é muito fácil. A partir da beira da estrada (M530) basta descer por uma escadaria segura até ao nível do rio Adrão.

Confira a localização exata no Google Maps. No local não há serviço de bar-restaurante. Vá prevenido com lanche, água e, claro, uma sacola para recolher o seu lixo!

Coordenadas GPS da Cascata do Poço Negro do Soajo

Latitude: 41°52’42.4″N

Longitude: 8°15’25.6″W

+ Confira também: o que fazer em Castro Laboreiro

2 – Lagoa da Ladeira – Soajo

A Lagoa da Ladeira fica a 1 km de distância da Eira dos Espigueiros da vila do Soajo. É um ótimo lugar para casais aventureiros, que procuram recantos paradisíacos para relaxar a dois em meio à natureza. 

Localizada junto à antiga Ponte da Ladeira, a piscina natural é formada pelas águas translúcidas do rio Adrão. O cenário é de contos de fada, e rende momentos inesquecíveis e fotos lindas! Simplesmente imperdível!

Como chegar à Lagoa da Ladeira

Para lá chegar, há que descer por um trilho cercado de arbustos e vegetação típica minhota. O percurso pedestre de aproximadamente 4km de extensão (ida e volta), começa junto à placa toponímica “Caminho da Ladeira”. Local mágico!

3 – Lagoa dos Druidas – Soajo

cascatas e lagoas do Soajo

As quedas d’água do rio da Peneda dão uma forma serena à Lagoa dos Druidas – um dos locais mais bonitos, místicos e secretos da Serra do Soajo, em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês.

A Lagoa dos Druidas é linda e super indicada para casais aventureiros. Várias quedas d’água formam os dois principais poços na área de visitação.

É em meio às rochas que está sua principal atração: piscinas naturais de águas puras e translúcidas, onde pode desfrutar e relaxar sem preocupações.

A título de curiosidade: o local foi palco de rituais druídicos, uma manifestação religiosa com raízes celtas, onde os seus seguidores veneram a natureza, fazendo dela a base da sua crença. Veja a seguir como chegar à Lagoa dos Druidas!

Como chegar 

A maneira mais fácil de chegar à Lagoa dos Druidas é percorrendo o trilho que começa na aldeia de Tibo, localizada a menos de 4km da Gaviera (pertinho do famoso Santuário de Nossa Senhora da Peneda).

O percurso pedestre tem uma distância de cerca de 5km (ida e volta), com grau de dificuldade relativamente fácil. Verifique o post completo de como chegar à Lagoa dos Druidas.

Coordenadas GPS da Lagoa dos Druidas

Latitude: 41°55’56.4″N

Longitude: 8°13’48.7″W

4 – Poço do Bento – Soajo

cascatas e lagoas do Soajo

Quem visita o Soajo não pode deixar de conhecer o Poço do Bento, uma bela piscina natural de águas cristalinas que faz qualquer um se encantar! Perfeito para quem gosta de lugares paradisíacos!

Onde fica? Esta cascata fica escondida num vale do rio Adrão, somente a 2km do centro do Soajo e a 1km da Eira dos Espigueiros, um dos atrativos mais famosos e visitados da região. 

Como ir ao Poço do Bento

Para lá chegar terá de percorrer um trilho leve (20 minutos a pé), que começa junto à ponte que liga a vila do Soajo a Cunhas.

O acesso ao Poço do Bento é fácil, ou seja, não é obrigatória a presença de guia, mas caso queira, este pode ser contratado à parte através das agências de turismo de Arcos de Valdevez. Confira a localização e coordenadas no Google Maps.

Coordenadas GPS do Poço do Bento

Latitude: 41°52’58.4″N

Longitude: 8°15’01.5″W

+ Veja também: o que fazer em Ponte da Barca

5 – Poço das Canejas – Soajo

Os viajantes encontram no Poço das Canejas uma das paisagens mais belas que a natureza local oferece.

O lugar é magnífico, composto por uma encantadora piscina natural de águas cristalinas e várias jacuzzis maravilhosas para relaxar.

O melhor horário para visitar e curtir o Poço das Canejas é entre as 12h e as 15h quando os raios de sol iluminam bem a água, criando um espetáculo visual incrível.

Como ir ao Poço da Canejas

O caminho para chegar ao Poço das Canejas é o mesmo que conduz ao Poço do Bento. Aliás, o Poço do Bento é vizinho ao Poço das Canejas. Recomenda-se cautela na descida para os banhos. 

Coordenadas GPS do Poço das Canejas

Latitude: 41°52’58.4″N

Longitude: 8°15’01.5″W

6 – Cascata do Soajo – Soajo

Quem adora explorar cantinhos surpreendentes precisa visitar a Cascata do Soajo. O cenário é fascinante! Apresenta pequenas queda d’água paradisíacas que – com sua cor verde esmeralda – permite um delicioso banho de águas naturais!

A Cascata do Soajo é alimentada pelo rio Adrão e o local forma várias lagoas, tornando a paisagem digna de ser aproveitada nos meses quentes de verão.

A água, embora fria, é pura, cristalina e perfeita para lavar a alma. Não conta com serviço de bar-restaurante.

Como ir à Cascata do Soajo

Esta cascata fica na parte superior dos poços do Bento e das Canejas, a 2 km do centro de Soajo. Não há placas indicando o percurso, mas o trilho está bem marcado e é relativamente fácil dar com a Cascata do Soajo. Preste atenção ao caminho! O trilho é de aproximadamente 4 km (ida e volta).

Coordenadas GPS das Cascatas do Soajo

Latitude: 41°53’01.6″N

Longitude: 8°15’02.2″W

7 – Lagoas da Travanca

A pouco mais de 10 km da vila do Soajo encontram-se as Lagoas da Travanca, uma das mais belas piscinas naturais localizadas às portas do Parque Nacional da Peneda-Gerês. 

Alimentadas pelas águas límpidas do rio Ázere, estas lagoas são uma ótima escolha para amigos ou casais aventureiros. As fotos ficam perfeitas!

A estrada que leva os visitantes às Lagoas da Travanca fica a seguir à Porta do Mezio. E o acesso às piscinas naturais começa precisamente onde termina a estrada de alcatrão. 

A partir daí só tem de percorrer 100 metros a pé por um passadiço em madeira para chegar às Lagoas da Travanca. Há placas indicando o caminho. Recomenda-se atenção redobrada na descida para os banhos. 

Dica: a 200 metros das Lagoas está localizado o Parque de Campismo da Travanca. Fica em Cabana Maior, numa área de bosque perto do parque de merendas do Mezio.

O Parque de Campismo disponibiliza máquinas de bebidas, salão de convívio, chuveiros com água quente, área com grelhadores para churrascos. Período de funcionamento: de 1 de Julho até 30 de Setembro. 

8 – Poço da Pipa 

Uma das atrações imperdíveis às portas da Serra do Soajo é a visita ao Poço da Pipa. Formada pelas águas do rio Ázere, a piscina natural apresenta águas cristalinas de cor verde esmeralda, e é a pedida certa para um mergulho refrescante nas tardes de maior calor. 

Nos meses de verão, o local costuma atrair famílias com crianças, por conta do acesso fácil. Espere encontrar uma lagoa paradisíaca, idilicamente rodeada pela vegetação típica minhota.

Como ir ao Poço da Pipa

Chegar até ao Poço da Pipa é canja: o trilho é super tranquilo e sem nenhuma dificuldade, bem pertinho da Ponte sobre o rio Ázere, situada na pequena freguesia de Grade e Carralcova. Tem um bar de apoio e estacionamento gratuito nas imediação. 

Atenção aos Trilhos das Cascatas do Soajo e aos mergulhos

Atenção: não saia dos trilhos marcados e siga sempre as fitas de sinalização. Se possível faça os trilhos acompanhados e comece a caminhada de manhã ou ao início da tarde, no máximo. Não se esqueça de levar o celular/telemóvel para ter ajuda do GPS e um mapa offline para o caso de entrar numa zona sem rede.

E já diz o ditado: “O seguro morreu de velho”. Por isso, muito cuidado com as pedras molhadas. O risco de levar um escorregão nestes lugares é grande. Fique atento! É imprescindível levar calçado adequado para trekking.

Além disso, lembre-se: como a água do rio está em constante movimento, a correnteza desloca as pedras menores e pode ainda haver troncos e galhos de árvores não detectáveis à primeira vista.

Por isso, é importante verificar sempre a profundidade antes de mergulhar nas piscinas naturais. Tirando isso, é só curtir a paisagem e as boas energias em meio à natureza!

Dica: A sandália havaiana, por exemplo, não dá firmeza nenhuma aos pés. Então, prefira levar uma sandália papete para entrar na água e não machucar a sola dos pés nas pedras. 

Melhor época para visitar as Cascatas e Lagoas do Soajo: quando ir 

Se planeja visitar as Cascatas e Lagoas do Soajo, é necessário programar-se para a data correta. Assim sendo, recomendamos a visita durante os meses de primavera – verão.

A paisagem nesse período é super verdejante e, com as temperaturas mais altas, as lagoas naturais convidam a mergulhos refrescantes. Não se esqueça de levar o biquini. Se puder vá durante a semana para aproveitar as cascatas com mais tranquilidade. 

Além disso, e como já referido no tópico acima, as cascatas ficam ainda mais bonitas entre as 12h e as 16h, quando os raios de sol iluminam bem os poços, criando um espetáculo visual incrível. As fotografias ficam espetaculares!

Onde ficar a dormir perto das Cascatas Soajo – Serra do Soajo

Fomos à procura dos alojamentos para se hospedar próximo às cascatas e lagoas do Soajo e, neste guia, fizemos uma seleção das melhores hospedagens. 

Prepare-se para descansar num dos melhores alojamentos da região e usufruir da beleza natural da Serra do Soajo, um dos destinos mais bonitos de Portugal.

Dica: A oferta hoteleira da região é pequena e a maioria dos alojamentos ficam na vila do Soajo. A seguir listamos os alojamentos que oferecem boa relação preço-qualidade. Clique nos links do Booking para conferir os preços e reservar!

Saiba o que visitar em Soajo. Aqui, um roteiro turístico do que ver e fazer na Aldeia do Soajo - povoado de montanha, no concelho de Arcos de Valdevez

Alojamentos confortáveis e bem localizados

Turismo Rural Casa Do Adro: Alojamento de Turismo Rural com excelente localização no Centro Histórico da vila do Soajo. Dispõe de acomodações aconchegantes, salão partilhado, jardim, terraço, Wi-Fi e estacionamento gratuitos. Pequeno-almoço incluso no valor da diária. Boa aposta!

Casa da Gandarela:  Alojamento de Turismo Rural localizado a 400 metros do Centro Histórico da vila. Apresenta acomodações confortáveis com varanda privativa, sala de estar com lareira, cozinha totalmente equipada, Wi-Fi e estacionamento gratuitos. Pequeno-almoço incluso no valor da diária. Excelente preço x qualidade!

Casas do Cavaleiro Eira: Alojamento de Turismo Rural localizado no Centro Histórico do Soajo. Disponibiliza acomodações rústicas e aconchegantes com vista para a montanha, cozinha totalmente equipada, sala com lareira, Wi-Fi e estacionamento gratuitos. Pequeno-almoço incluso no valor da diária. Boa aposta!

Casa de Pereiró: Alojamento de Turismo Rural situado a menos de 800 metros do Centro Histórico do Soajo. Dispõe de acomodações rústicas e aconchegantes com vista para a montanha, sala com lareira, jardim, terraço, Wi-Fi e estacionamento gratuitos. Pequeno-almoço incluso no valor da diária. Excelente custo x benefício!

Casa Rautau: Casa de férias com excelente localização no Centro Histórico do Soajo. Apresenta acomodações confortáveis e climatizada, cozinha totalmente equipada, terraço para banhos de sol, Wi-Fi e estacionamento gratuitos. Boa aposta!

O que levar na mochila quando visitar as Cascatas do Soajo?

Não há cafés/restaurantes nem qualquer tipo de serviço de apoio às cascatas e lagoas do Soajo. Então, se resolver passar algumas horas nas cascatas é bom ir prevenido com água e um pequeno farnel, além de traje de banho, toalha, calçado confortável e seguro para caminhar no trilho e entrar na água, chapéu, óculos de sol, protetor solar e uma máquina fotográfica e smartphone. O cenário das cascatas e lagoas do Soajo é magnífico e rende fotos lindas e vídeos incríveis! A não perder!

Nota importante

Quando visitar a Serra do Soajo lembrem-se que a região é uma área selvagem, e como tal é necessário ter a máxima cautela. Se possível, deixe a Serra ainda melhor do que a encontrou. A Natureza agradece!

Além disso, tenha a consciência de que está numa Zona de Protecção da Natureza. Tente sempre:

Respeitar o modo de vida e tradições locais.

Evitar o barulho ou atitudes que perturbem a tranquilidade e paz local.

Manter a distância dos animais e não os tentar alimentar.

Não apanhar plantas nem recolher amostras geológicas.

Trazer sempre consigo um saco para recolher o lixo que produz.

E você, já conhece a Serra do Soajo?  Não? Então se ficou com vontade de conhecer programe uma visita e encaminhe este post para alguém que vai amar esse paraíso também!

+ Dicas de locais a visitar

Agora que já sabe como ir à Cascata da Portela do Homem, aproveite e descubra outros belos locais a visitar no Gerês. 

+ Cascatas do Gerês

+ Cascata Tahiti

+ Visitar a Ermida

+ O que visitar em Arcos de Valdevez

+ Cascatas em Pitões das Júnias

+ Cascata da Rajada

+ Melhores Cascatas do Gerês

+ Cascata Portela do Homem

+ Praias Fluviais do Gerês

+ Cascata das lagoas da Mata da Albergaria

Ficamos super felizes em ajudar no planejamento da sua viagem. Esperamos que tenha gostado das nossas dicas e informações. Obrigada pela visita e seja sempre bem-vindo ao blog!

Procurando Hotel? Pesquise as promoções no Booking.com – você não paga nada por isso, cancela e altera quando quiser e ainda tem a garantia dos melhores preços. Saiba mais: Aqui !

*Gostou do post sobre as cascatas e lagoas mais bonitas do Soajo? Salve nos favoritos!

Tags:
Artigo Anterior
Próximo Artigo

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *